531 hectares, a produtividade na região chega a cerca de 942 toneladas por ano.

Foto: Reprodução Internet

Apesar da área plantada de café no Distrito Federal ser considerada pequena, 531 hectares, a produtividade na região chega a cerca de 942 toneladas por ano, sendo possível colher até 60 sacas de café por hectare, o dobro da produtividade média nacional, segundo a Empresa e Assistência Técnica e Extensão Rural do Distrito Federal (Emater/DF).

No Brasil, a cafeicultura ganha cada vez mais espaço e é caracterizada pela alta qualidade dos grãos, gerando 2,2, milhões de empregos diretos e oito milhões de empregos indiretos, de acordo com dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). No Distrito Federal, o cultivo é feito por irrigação, garantindo a quantidade ideal de água para a produção.

“A altitude de mais de mil metros em áreas de plantio e o clima da região, com períodos definidos de chuva e seca, além da baixa umidade, favorecem a floração”, disse o técnico da Emater/DF, Carlos Morais.

A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) estima que o Brasil colherá 45,5 milhões de sacas de 60 kg na safra 2017/2018. O país é responsável por 31% da produção mundial de café, sendo o maior produtor e exportador do mundo. Este ano, o faturamento bruto do setor deve chegar a R$ 22,2 bilhões.

Fonte/Créditos: Café Point